Brunno Martins_Gira Dança _ Proibido Elefantes (5).jpg
 ícones CERRADO-22.png
1/5

fotos: Brunno Martins

PROIBIDO ELEFANTES

Giradança (RN)

13/nov, sábado, 20h

local: Casa de Ensaio

 16 

PROIBIDO ELEFANTES é um espetáculo que fala do olhar como via de acesso, porta de entrada e saída de significados.

 

O modo como percebemos a "realidade" é resultante do diálogo que estabelecemos com esta: nosso olhar é constituído pela realidade assim como a realidade é constituída pelo nosso olhar - a construção do sentido transita em via de mão-dupla.



O olhar enquanto apreensão subjetiva do mundo é, neste trabalho, apontado como elemento potencializador do sujeito diante do mesmo.

Proibir elefantes é restringir o acesso, impedir o livre trânsito do animal que serve como meio de transporte na Índia, mas que causaria enormes transtornos em outras localidades.



Proibir elefantes, neste espetáculo, é proibir o olhar que ressalta as limitações, os impedimentos; que duvida da capacidade do sujeito frente à adversidade.

​Proibir elefantes, aqui, é apostar no olhar do sujeito sobre si e sobre o mundo em que vive como elemento ressignificador e instaurador de realidade.

Concepção, Coreografia e Direção: Clébio Oliveira
Direção Artística: Alexandre Américo
Assistente de Coreografia: Álvaro Dantas
Bailarinos/criação: Álvaro Dantas, Jania Santos, Joselma Soares, Marconi Araújo, Ana Vieira e Samuel Oliveira.
Produção Executiva: Celso Filho
Trilha Sonora Original: Toni Gregório
Figurino: Loris Haas
Colaboração: Daniela Fusaro
Design de Luz: Ronaldo Costa
Operação de Luz: David Costa

​Duração: 55 minutos | Estreia: 2012
Faixa etária: 16 anos